Entenda como os ácidos faciais agem na nossa pele

Tempo de leitura: 3 min

Escrito por Carlos Meira
em julho 22, 2022

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

100% livre de spam.

Produtos têm função específica e ajudam a renovar a pele

Os ácidos para a pele podem ter várias funções, como  tratar a acne, as linhas de expressão e até fazer um peeling para renovar as células. A maioria deles é usado durante a noite e deve ser removido pela manhã, sem se esquecer do uso do protetor solar antes de sair de casa.

Assim, é possível afirmar que o uso dos ácidos no rosto é um tipo de tratamento facial que pode ser feito sozinha, seguindo as orientações médicas. De qualquer forma, exige cuidados para evitar problemas. Entenda agora como agem em nossa pele, conhecendo seus benefícios e os cuidados necessários durante o uso.

Ácidos faciais mais comuns

Conheça quais são os ácidos faciais mais comuns e utilizados, com dicas de uso e os benefícios para a pele.

Ácido retinoico

Derivado da vitamina A, o ácido retinoico estimula a produção de colágeno e ajuda a clarear a pele. Além disso, ajuda a combater rugas e linhas de expressão, além de outros sinais comuns, que aparecem conforme a idade.

Esse ácido tem uma das maiores ações antirrugas, porém, é fotossensibilizante e só deve ser usado com a orientação de um dermatologista. Normalmente, deve ser aplicado somente durante a noite e, no dia seguinte, é indispensável um bom protetor solar no rosto. 

Ácido glicólico

Tem ação de rejuvenescimento da pele, produzido a partir da cana-de-açúcar. Funciona como um esfoliante químico para o rosto, agindo nas camadas mais superficiais. Como resultado da aplicação, você observa a redução do tamanho dos poros e das rugas.

O ácido glicólico também trata manchas e sinais de acne e, por sua ação ser um pouco mais forte, deve ser aplicado sempre à noite. Pela manhã, após lavar o rosto, é obrigatório passar o protetor solar para proteger a pele, que estará mais sensível por causa da esfoliação.

Ácido hialurônico

Presente em diferentes séruns, cremes e máscaras, o ácido hialurônico é um dos queridinhos do momento e pode ser usado também de dia. A substância estimula a produção de colágeno, por isso previne e suaviza as linhas de expressão.

É recomendado para quem deseja cuidar da pele desde cedo e, apesar de não deixar o rosto sensível, deve ser acompanhado do protetor solar quando aplicado de dia.

Ácido ascórbico

A vitamina C também auxilia a pele e pode ser aplicada no rosto. Vai atuar diretamente sobre os radicais livres e combater o envelhecimento precoce. Isso acontece por estimular a produção de colágeno e elastina.

Não tem contraindicação para o uso durante o dia, inclusive por ter ação fotoprotetora. Então, os séruns e cremes com ácido ascórbico estão liberados a qualquer momento.

Ácido salicílico

Ideal para pessoas com pele oleosa, funciona como um esfoliante e anti-inflamatório. Deixa a pele mais lisa e uniforme, diminuindo os poros dilatados. Um dos ácidos mais antigos produzidos pela indústria de cosméticos, também diminui manchas superficiais.

A ação seborreguladora ajuda a deixar a pele mais seca ao longo do dia, porém, o tratamento é exclusivo para as peles oleosas.

Como utilizar os ácidos

Cada pele é única, então incluir os ácidos na rotina de skincare exige cuidado. O primeiro passo é consultar um dermatologista, principalmente se pretende usar um produto mais agressivo, como os esfoliantes químicos.

Os dermocosméticos são a forma mais comum e menos agressiva de aproveitar os benefícios trazidos pelos ácidos faciais. Eles são encontrados em cremes hidratantes, protetores solares e maquiagens.

Ainda assim, é indispensável conhecer o seu tipo de pele. Até porque, uma pessoa com pele oleosa precisa de produtos específicos que não são indicados para quem tem a pele mais seca ou normal.

Você já utiliza algum dos ácidos mencionados na sua rotina de cuidados com o rosto? Lembre-se de sempre incluir o protetor solar no seu dia a dia, ele será seu grande aliado e vai potencializar a ação dos cremes e ácidos faciais.

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário


*


*


Seja o primeiro a comentar!

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

100% livre de spam.