Como os cães policiais são treinados?

Tempo de leitura: 4 min

Escrito por Carlos Meira
em julho 1, 2022

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

100% livre de spam.

Pastor Alemão, Labrador Retriever e Rottweiler são algumas das principais raças escolhidas para serem cães policiais

Todo mundo sabe da elevada capacidade dos cães em farejar itens e escutar sons que nem sempre são perceptíveis ao ser humano. Por causa dessas características, ao longo dos anos, esses animais acabaram se tornando grandes aliados até mesmo dos militares nas atividades de segurança e de proteção da sociedade. 

Para que isso fosse possível, foram desenvolvidos métodos específicos para adestrar os cães, ensinando-os comandos que serão úteis no desempenho da atividade policial. Toda vez que eles realizam um bom trabalho, esses animais recebem alimentos ou brinquedos caninos que os estimulam ainda mais a obedecer os chamados. 

Se você tem interesse em saber mais sobre como funciona esse treinamento para transformar um cachorro comum em um exímio cão policial, continue a leitura do nosso conteúdo. Na sequência, trouxemos todas as informações importantes acerca desse processo para que você não tenha mais dúvidas. Confira! 

Como é a rotina de adestramento dos cães policiais? 

Quase sempre o treinamento de um cão policial começa ainda quando o pet é um filhote, a partir dos quatro meses de idade. Em geral, nesse período, é feito o contato com os militares que serão seus companheiros de trabalho por meio de brincadeiras.    

Após esse momento inicial, o cachorro passa pela parte específica de adestramento, em que são realizadas as atividades para desenvolver a obediência de comandos, a identificação dos aromas de substâncias e o ataque a suspeitos. 

A cada instrução dada pelo policial que o cão obedece com destreza e rapidez, ele recebe recompensas do  seu companheiro, que costumam ser brinquedos ou alimentos. Esse trabalho deve ser feito com muito carinho e dedicação para o desenvolvimento da lealdade dos pets. 

Quais funções são desempenhadas por cães policiais? 

Normalmente, os cães policiais são utilizados pelos militares para o acompanhamento de atividades investigativas, como a imobilização de suspeitos que serão revistados, o reconhecimento de drogas e explosivos ou em buscas de pessoas desaparecidas, estejam elas em matas ou cativeiros. 

Para cada uma dessas tarefas, é necessário que o animal passe por um adestramento de método específico, desenvolvendo, assim, as habilidades necessárias na execução desse trabalho. 

Quais são as raças mais comuns entre os cães policiais?

Embora qualquer cachorro possa se tornar um cão policial, depois de passar pelo adestramento certo para essa função, existem algumas raças que normalmente são mais escolhidas para desempenhar esse trabalho. 

Isso acontece porque elas possuem algumas habilidades natas que podem contribuir bastante com as investigações militares. A seguir, conheça mais sobre algumas raças caninas que costumam ser as preferidas para o treinamento policial. 

Pastor Alemão 

Sem dúvida, os cães da raça Pastor Alemão são os mais utilizados pela Polícia por serem animais leais e estarem sempre prontos para proteger os seus donos. Além disso, esse é um tipo de pet com porte bastante atlético, que consegue acompanhar as investigações militares e obedecer comandos sem nenhuma dificuldade.  

Labrador Retriever

Apesar de ser conhecido como um bom animal para fazer companhia ao seu proprietário, os Labradores Retrievers também podem se tornar cães policiais se tiverem o adestramento certo para a função. Eles ainda são conhecidos por terem um excelente olfato, servindo, principalmente, para a busca de substâncias proibidas. 

Rottweiler

As habilidades de força e coragem são as principais marcas de um cachorro Rottweiler, que fazem dessa raça também uma ótima alternativa para o treinamento de cães policiais. Vale ainda destacar que esse animal é extremamente inteligente, conseguindo responder com rapidez e eficiência aos comandos de seus donos.    

Beagle

Ainda que não tenham uma estrutura corporal atlética, como os Pastores Alemães e os Labradores, os cães Beagle também estão entre as melhores raças para o treinamento policial por terem o olfato extremamente apurado. Dessa forma, eles ajudam a polícia em tarefas como a busca por drogas e outras substâncias. 

Foxhound

Com um bom adestramento, os cães da raça Foxhound têm a possibilidade de se tornarem cães policiais de alta performance, usando sua elevada capacidade olfativa e velocidade a favor das investigações policiais. Essa raça também é conhecida por ser muito leal aos donos, fator que é muito apreciado pela polícia na escolha de seus animais.  

Doberman

Por último, não poderíamos deixar de falar dos cães policiais Doberman, que são considerados perfeitos para atividades como encontrar delinquentes e resgatar reféns. Eles são muito utilizados pela polícia por serem cachorros inteligentes, muito companheiros e com excelente porte físico.

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário


*


*


Seja o primeiro a comentar!

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

100% livre de spam.